Menu

« »

Content

Ilhas Cayman: um destino para se descobrir à mesa

Experiências gastronômicas são um dos principais atrativos das Ilhas Cayman

Sua localização privilegiada é um convite para conhecer um destino cheio de mística com gosto de exclusividade, uma geográfia com belezas naturais paradisíacas e hotéis de grandes redes sem sistema all-inclusive, pois o interessante nas Ilhas é desbravar suas belezas para descobrir uma das suas maiores riquezas, a gastronomia local. Um destino turístico ainda pouco explorado pelos turistas brasileiros que visitam o Caribe - as Ilhas Cayman (e leva apenas uma hora de voo até a cidade de Miami que recebe milhares de brasileiros todos os anos).

Com opções de altíssima qualidade e direito a uma carta de vinhos de dar inveja a muitos destinos europeus é pelo estômago que as Ilhas conquistam até os gourmets mais exigentes. Os frutos do mar são o carro chefe e fazem qualquer pessoa tomar a decisão de incluir peixes na dieta para o resto da vida.

cayman2

A gastronomia das Ilhas Cayman é uma experiência com pratos criados por meio da fusão de receitas e ingredientes de vários lugares do mundo. 30% da população caymanesa é originária de outros países e isso se reflete na gastronomia em mais de duzentos restaurantes de diversos estilos culinários espalhados pelas Ilhas – e o mais importante é que muitos deles sempre tem uma carta de vinhos tão cosmopolita quanto a região, com vinhos de diversos países para acompanhar os pratos. É possível descobrir os sabores dos melhores sauvigon blanc da Noza Zelândia nas Ilhas Cayman.

Dentre seus restaurantes, o Blue Cilantro é uma pérola culinária do Caribe que fica em Grand Cayman, a maior e mais badalada das três ilhas do arquipélogo. O restaurante é comandado pelo chef Vidyadhara Shetty, de origem indiana que traz o melhor da referência da culinária da Índia para seus pratos, é ali onde os frutos do mar ganham uma identidade exclusiva como por exemplo o ravioli de lagosta e queijo boursin, preparado com azeite trufado e molho de abóbora, e o prato Asian Romantic Sea Food, uma seleção de lagosta caribenha, camarões, moluscos, mexilhões com arroz no caldo de côco.

cayman1

No Cracked Conch a experiência já começa pelo lugar, uma atmosfera envolvente típica do Caribe com um deck de madeira sobre as rochas, corais e uma vista cinematográfica do mar. Tudo isso para acompanhar um delicioso ceviche feito com peixe tirado no dia, mas o frango orgânico acompanhado de macarrão com queijo e champignon surpreende pela harmonia e sabor. Esse também é um bom lugar para experimentar a torta caseira de rum com calda de abacaxi. O bolo de rum é um patrimônio cultural das Ilhas Cayman, não comer um é como não visitar o país.

Outros restaurantes nas Ilhas Cayman também se destacam pelo conjunto da experiência gastronômica e pelo local, entre os quais não se pode dispensar uma visita ao Morgan’s Seafood, Lobster Pot, ao Mizu e o ao tradicional Cayman Cabana que fica no pequeno centro da cidade de George Town, capital das Ilhas Cayman. Esse restaurante fica de frente para o mar e é famoso por servir a autêntica culinária caymanesa com peixes pescados no dia acompanhado de coquetéis tropicais, marca registrada do Caribe.

Além do preparo, o uso de ingredientes frescos com produção local são uns dos principais segredos para a culinária das Ilhas Cayman ser saborosa e de alta qualidade. O sal marinho é produzido localmente por meio da evaporação solar e da seleção manual dos cristais, esse tipo de sal artesanal 100% natural tem um grau de pureza incomparável, e também pode ser degustado em pratos doces a base de frutas como mamão papaia, manga, ou com chocolate.

cayman3

Anualmente o hotel Ritz-Calrton Grand Cayman organiza o evento Cayman Cookout que recebe chefs estrelados de outros países para promover degustações, demonstrações e jantares em um clima intimista e descontraído. Vale a pena programar uma viagem para as Ilhas Cayman em janeiro quando o evento acontece.

As cartas de vinhos nos principais restaurantes das Ilhas Cayman são um universo a parte. É possível armonizar pratos com vinhos de diversos lugares do mundo com opções provenientes de diversas regiões da Itália, França, Nova Zelândia, Estados Unidos, Áustria, África do Sul, Argentina, Califórnia, entre outros.

Os preços podem variar muito dependendo do prato e do restaurante, de 24 a 170 dólares das Ilhas Cayman (KYD). O pagamento também pode ser feito com dólar americano, aceito em praticamente todos os estabelecimentos, assim como com cartões de crédito internacionais.

botao voltar

Créditos: Cayman Islands Department of Tourism.

 

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Rosângela Cianci

Rosângela Cianci. Jornalista, blogueira, repórter, apresentadora, produtora de TV e idealizadora do site Universo de Rose. Incansável observadora do cotidiano, apaixonada pelo que faz. Ex-Secretária Executiva, sempre lidou com Diretoria e Presidência mas prestes a completar Bodas de Prata na área, resolveu desengavetar um sonho antigo: o Jornalismo. E partiu pra nova luta com 40 (e uns anos), "pois meu negócio é escrever e conversar sobre assuntos de A a Z"...

E-mail O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.