Menu

« »

Content

Andar de bicicleta está na moda - e no mundo inteiro...

Na Europa, Ásia e Nova York o hábito de andar de bicicleta está bem mais enraizado nos costumes dos cidadãos. É comum, no dia a dia, andar sob duas rodas nas capitais, como Paris e Roma, e também em Tokyo, no Japão. É bem seguro e tranquilo. Além da beleza urbana, são centenas de quilômetros de ciclovias que respeitam as normas de segurança e contam com uma ótima estrutura, como grandes bicicletários e pontos de aluguel de bicicleta.

bici1

Já em São Paulo e Nova York (esta, embora esteja um pouco mais avançada nesse sentido), a situação é bem diferente. O tráfego pesado e intenso de veículos nos grandes centros empresariais, gerando acidentes fatais quase que diariamente, transforma o ato de pedalar pelas ruas da cidade em uma verdadeira aventura. Lidar com os problemas de trânsito é um dos maiores desafios das grandes metrópoles, apesar de cidades apostar seriamente na (nova) solução: a boa e velha bicicleta.

Em São Paulo, pessoas que andariam de bicicleta não o fazem por medo de pedalar pelas ruas a cidade, enfrentando carros, motocicletas, caminhões e ônibus. O risco é enorme e isso só vai mudar com a construção de uma grande estrutura, como a que Nova York vem fazendo. A Capital paulistana atualmente,  conta com pouco mais de 48 km de ciclovias. Segundo dados da CET (Companhia de Engenharia de Tráfego), a meta estipulada pela prefeitura é a construção de 100 km de ciclovias, até  o fim  de 2014.

A ordem (pelo menos nos paises citados acima) é desacelerar e explorar sua cidade de bicicleta. Andar de bicicleta é chique. Só em Nova York, são 300 quilômetros de ciclovias na Big Apple com muito estilo.

Dias ensolarados. Tardes longas. A primavera (e verão) é a estação ideal para o novaiorquino usar um dos meios de transporte favoritos. Ter carro é ter um problema, pois não há estacionamento e o trânsito não anda, assim como em São Paulo. Quem é chique - e prático, vai de bicicleta.

bici3

Alguns modelos fazem a gente voltar ao passado, pensar naqueles tempos do cinema mudo. As lojas especializadas em bicicletas para cidade estão vendendo como nunca. Elas têm umas características bem específicas. O banco, por exemplo, é mais largo para dar mais conforto, elas não têm muitas marchas, no máximo três.

bici4

O objetivo não é sair correndo, pelo contrário, é pedalar, ir para o trabalho e ocupações ou simplesmente "passear! sem estragar a maquiagem e o penteado. Os acessórios são irresistíveis. O boné é um capacete. O modelo retrô é ótimo para quem quer ir para o trabalho de bicicleta. Dá pra pedalar de saias, levar o notebook, jornais na frente. Quem sabe umas flores...

bici7

Andar pela cidade de bicicleta, além de ser saudável e chique, é um jeito ótimo de apreciar a arquitetura. Em várias regiões, pode-se apreciar tradicionais prédios históricos, em vários estilos e até mesmo residências interessantes, e dependendo do lugar, até mesmo algumas de luxo.

De bicicleta, a gente vê a vida "sossegada", na cidade agitada. Tanto em cidades da Europa, quanto em Manhattan na grande Nova York ou por São Paulo. A sensação é de passar por um túnel do tempo sobre a magrela - duas rodas.  Uma forma de viver a vida com qualidade.

bikecentralparkbotao voltar

Na imagem acima,ciclistas no Central Park, Mahattan - Nova York

 

Rosângela Cianci

Rosângela Cianci. Jornalista, blogueira, repórter, apresentadora, produtora de TV e idealizadora do site Universo de Rose. Incansável observadora do cotidiano, apaixonada pelo que faz. Ex-Secretária Executiva, sempre lidei com Diretoria e Presidência mas prestes a completar Bodas de Prata na área, resolvi desengavetar um sonho antigo: o Jornalismo. E parti pra nova luta com 40 (e uns anos), pois meu negócio é escrever e conversar sobre assuntos de A a Z...

E-mail O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.