Menu

« »

Content

Cachorros na cerimônia e festa de casamento. Pode levar?

Já percebeu que está cada vez mais na moda a noiva ou o noivo levar seu pet para sua cerimônia de casamento? Afinal, muitas pessoas consideram seu peludo de quatro patas como um membro da família e o carrega para todos os eventos importantes. 

dogcasar1

Maaass, há aqueles que torcem o nariz e considere o assunto em qustão polêmico. Como tem de tudo nesse mundão de Deus, se o casal gosta e opta por tal aventura - não resta dúvida de que é uma grande aventura, como deixar que este ser tão amado participe de uma das festas mais lindas de sua vida??

Especialistas fornecem dicas para seu pet participar desse dia especial sem estressá-lo e ao mesmo tempo respeitar seus convidados, ou seja, ele não pode virar o alvo da festa e tudo terminar em uma (santa) bagunça. Vamos lá:

- Educação sempre em primeiro lugar. Se você acha que seu pet vai latir na igreja ou no restaurante - caso a entrada seja permitida; aliás, verifique antes, se os estabelecimentos aceitam o cãozinho e se contam com um algum jardim ou terraço para um agradável almoço ”pet friendly”, por exemplo;

- Deixe-o com um baby sitter (ou adestrador) que o conheça bem. Assim ele saberá quando o bichinho estiver a fim de participar da festa e quando estiver mais no clima de correr e pular.

dogcasar3


- Certifique-se que nenhum dos seus convidados têm medo de cães (e gatos). Embora pareça exagero, há pessoas que têm fobias reais e poderão querer se retirar. Evite esse tipo de constrangimento.

- Uma cerimônia ao ar livre é o ideal para os animais, durante o dia. Assim, seu companheiro desfrutará bastante com vocês. Se houver disposição e você permitir que outras pessoas levem seus pets ao casamento, certifique-se de que haja uma “confraternização” entre eles antes da cerimônia, principalmente se forem de tamanhos diferentes (alguns podem achar essa parte “demais pra cabeça”...).

- Outra ideia bacana, para quem gosta tanto de animais, é colocar em sua lista de casamento, uma doação para entidades e até mesmo para aquelas almas bondosas que cuidam de animais doentes e sem donos.

- Há aqueles noivos que preferem que o pet leve as alianças no dia do casamento. O que levar em consideração? Você deve conhecê-lo "como filho" o suficiente para saber se ele irá gostar de entrar no casamento, se irá se comportar ou não. Detalhe: Pergunte antes se a igreja escolhida aceita seu cão na cerimônia. Já vou adiantando que a maioria não aceita. Se a cerimonia for no mesmo local da festa, é bem possível.

dogcasar5


O ideal é ter uma pessoa levando o cãozinho pela coleira na entrada com as alianças, para conduzi-lo e evitar que ele desvie o caminho. Defina quem irá cuidar do seu cachorro antes da cerimônia e depois da cerimônia, quem irá alimentá-lo e levar embora. Claro que ele tem que estar limpinho, cheiroso, lindo e com as necessidades feitas antes de entrar na cerimônia, certo? Abaixo duas curiosidades sobre tais eventos e, bom casamento sem surpresas desagradáveis.

dogcasar4

Uma curiosidade: na imagem acima, a socialite estado-unidense Wendy Diamond realiza o "casamento do século" para cães em Nova Iorque. A festa para 250 convidados humanos e 50 cachorros custou mais de meio milhão de reais - sim, isso mesmo. Só o preço do vestido da cadelinha da foto superou R$ 12 mil. Conforme o site Daily News, o evento visou ajudar financeiramente a organização Humane Society of New York.botao voltar

Rosângela Cianci

Rosângela Cianci. Jornalista, blogueira, repórter, apresentadora, produtora de TV e idealizadora do site Universo de Rose. Incansável observadora do cotidiano, apaixonada pelo que faz. Ex-Secretária Executiva, sempre lidei com Diretoria e Presidência mas prestes a completar Bodas de Prata na área, resolvi desengavetar um sonho antigo: o Jornalismo. E parti pra nova luta com 40 (e uns anos), pois meu negócio é escrever e conversar sobre assuntos de A a Z...

E-mail O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.