Erro
  • JUser: :_load: Não foi possível carregar usuário com ID: 894
Menu

« »

Content

Tendências para a arquitetura comercial em 2018, na opinião da arq. Marina Debasa

 Ano novo!! É hora de fazer planos e tentar deixar para trás as dificuldades pelas quais o comércio passou em 2017. Pensando nisso, a arquiteta Marina Debasa, sócia do escritório Arquitetude, no Rio de Janeiro, fala sobre tendências para a arquitetura comercial em 2018.

Marina explica que atualmente as lojas que desejam se destacar precisam estar antenadas não só com o que é tendência em seus nichos, mas também nas novidades que dizem respeito a ambientação do espaço. “Estar à frente da concorrência é ter de pensar seriamente em inovar e também no que diz respeito ao espaço físico do comércio, tendo em vista sempre o conforto dos clientes”.

Confira as principais tendências para a arquitetura comercial em 2018:

arquiteturacomercial1. Trabalho eficiente e bonito com iluminação: toda loja precisa de iluminação. Mas, quando ela é trabalhada através de um projeto luminotécnico personalizado, isso pode se tornar um importante diferencial para qualquer comércio. Lojas bem iluminadas são mais bonitas, proporcionam mais segurança e mostram ao cliente que a marca não tem nada a esconder.

2. Materiais modernos e clássicos: materiais transparentes estão mais presentes na arquitetura comercial, assim como a clássica madeira. Enquanto as transparências ajudam a criar uma sensação de amplitude visual, a madeira dá um toque natural ao comércio, deixando o ambiente mais aconchegante.

3. Sustentabilidade: os consumidores têm se mostrado mais preocupados com o meio ambiente. Portanto, é fundamental buscar formas de demonstrar que a marca também possui essa preocupação, seja através do uso de materiais certificados na arquitetura comercial, seja também com o uso de sacolas e embalagens feitas de materiais reciclados, por exemplo.

4. Ambientes integrados e multifuncionais: poder resolver mais de um problema de uma única vez num mesmo lugar é um importante reflexo da vida contemporânea. E nada mais natural de que isso se refletir nos espaços comerciais, com o constante aparecimento de ambientes integrados e multifuncionais.

5. Presença das novas tecnologias: tecnologia é algo que sempre atrai o público e ainda pode facilitar a vida dos lojistas. Buscar por soluções tecnológicas que ajudem o público a encontrar o que procura serão cada vez mais comuns, principalmente se puderem ser integradas ao sistema da própria loja, ajudando na reposição de produtos, criação de relatórios, etc.

6. Uso de cores metálicas: os tons metálicos são considerados neutros, mas pode ajudar um bom destaque a qualquer loja. Por isso, eles já estarão em alta nos projetos de arquitetura comercial. Tons metálicos podem ser combinados facilmente com uma infinidade de cores para ajudar a deixar uma loja com mais personalidade.
botao voltar

E-mail O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.