Menu

« »

Content

Dr. Filippo Pedrinola sugere dicas para viver bem e de forma saudável

Dr. Filippo Pedrinola, conhecido como “médico-gato”, esbelto e queridinho das celebridades é um profissional bem preparado que passa leveza, jovialidade, simpatia e prega cuidados básicos para se manter saudável em todas as fases da vida de forma prática e funcionalFormado em Medicina com residência médica em clínica e endocrinologia no Hospital das Clínicas de São Paulo, após período de um ano do Fellowship Program do Cedars Sinai Medical Center da University of California em Los Angeles (UCLA), concluiu doutorado em endocrinologia pela Faculdade de Medicida da USP.

 

Casado com Andrea Pedrinola, coach de saúde e professora de yoga, Dr. Filippo tem um casal de filhos, Giovanna e Stefano. Super antenado com as inovações para se viver melhor em todos os sentidos, sua busca pelas novidades não param. Criador do protocolo Wellness, possui certificação em medicina mente-corpo pelo Body-Mind Institute da Harvard Medical School, pela International Stress Management Association no Brasil (ISMA-BR) e pela University of Texas em Arlington (UTA), além de estar à frente de suas clínicas médicas próprias, é diretor médico do SPA Cidade Jardim, em São Paulo. 

 

Durante um período de oito semanas, Dr. Filippo Pedrinola e sua equipe organizam e supervisionam uma grade de horário individualizada com atendimentos interligados em nove especialidades: endocrinologia, biofeedback, medicina diagnóstica, nutrição, inteligência física, reprogramação cognitiva e mindfullness, acupuntura, tratamentos estéticos e manejo do estresse. O objetivo é preparar o paciente para uma nova vida com efeitos de saudabilidade física e mental a longo prazo.

Filippo1

 

Predinola atua em sua clínica (Dr. Filippo Pedrinola), no 5° andar do Shopping Cidade Jardim, conta com uma equipe completa de médicos, nutricionistas e psicólogos que oferecem tratamentos de última geração em diversas áreas. Além de procedimentos mais específicos, como escleroterapia, acupuntura e programa psicológico para emagrecimento, a clínica disponibiliza atividades estéticas faciais e corporais. Entre os tratamentos, destaque para o Ulthera, que é um novo conceito em rejuvenescimento facial que deixa a pele mais firme e combate a flacidez. Já a Criopólise promete acabar com a gordura localizada.

 

Nosso bate-papo aconteceu em agosto na loja Trousseau, do Shopping Cidade Jardim, dia em que Dr. Filippo Pedrinola e o cirurgião plástico Dr. Marcelo Araújo receberam convidados para o talk show ao vivo “Ética e Estética” e teve como mediadora a coach Ana Raia (com Adriana Trusardi como anfitriã). Os médicos, que são dois dos mais respeitados do país e com reconhecimento internacional, falaram sobre saúde, a busca pela beleza.

 

Confira a entrevista – super explicativa considerando o “Dia Mundial de Combate ao Diabetes” comemorado no último dia 14 de novembro e dicas para secar, emagrecer com saúde, ter um estilo de vida saudável, envelhecer bem,.. - para o Portal Universo de Rose!

 

Universo de Rose - Qual o papel do endocrinologista?

 

Filippo Pedrinola - A endocrinologia é uma área da medicina extremamente ampla que estuda e monitora os transtornos das glândulas endócrinas que produzem os hormônios, os mensageiros químicos do corpo, com o propósito de restabelecer o equilíbrio de todo o organismo.

O médico endocrinologista atua em diversas áreas: obesidade, diabetes, colesterol e triglicerídeos, menopausa, andropausa entre outros distúrbios de origem hormonal como os que interferem no crescimento, puberdade, menstruação e em glândulas como a tireóide, supra-renal e hipófise.

 

UR - Antes de começar uma dieta que tipo de exames é importante fazer?

 

FP - Em geral são solicitados diversos exames, como os de sangue, de qualquer forma, cada caso é um caso e cada médico pode solicitar exames diferentes para monitorar seu paciente dependendo de seus objetivos e seu histórico.

 

 

UR - Erros e acertos na hora de emagrecer?

 

FP - No consultório, muitas pessoas nos procuram não para emagrecer, mas para serem emagrecidas por uma técnica milagrosa. A única forma de atingir o objetivo de forma saudável é através da dedicação e sacrifício. Há quatro pilares para que isso aconteça.

UR - Quais são os 04 pilares do estilo de vida que o senhor sempre menciona?

 

FP - O segredo de uma vida mais saudável está no equilíbrio de quatro pilares que são o emocional, o hábito alimentar, a atividade física e a espiritualidade que não é necessariamente a religião, mas a conexão da pessoa consigo mesma e com a família e amigos.

 

UR - Qual o estilo de vida ideal nessa vida tão atribulada nas grandes cidades?

 

FP - Exatamente por temos uma vida que grande reflexo em nosso emocional que o estilo devida ideal é o balanceamento dos quatro pilares que comentei anteriormente para uma vida saudável.

Filippo3

 

UR - Dicas para “secar” e/ou manter a boa forma com saúde – para todos?

 

FP - Metabolismo é o nome que se dá ao conjunto de reações fisiológicas responsáveis pelo funcionamento do nosso corpo como respiração, circulação, manutenção da temperatura do corpo e reações químicas celulares.

Para que tudo isso funcione o organismo gasta calorias. Que pode variar de individuo para individuo, mas, normalmente, não é causa de ganho de peso, a não ser que exista alguma doença como hipotireoidismo.

Existe uma ligação direta entre o envelhecimento e o metabolismo. Geralmente, à medida que o ser humano envelhece  há um declínio gradual de seu metabolismo, ou seja, o número de calorias necessárias para manter o corpo funcionando é menor com o passar dos anos. Esse é um dos importantes motivos que faz com que haja aumento de peso com o envelhecimento.

Além disso, à medida que envelhecemos, a composição corporal vai mudando de forma que, após os 45 anos de idade, a maioria das pessoas perde em média 10% de sua massa muscular por década. Isso significa menor queima de calorias de tal forma que existe uma tendência de ganhar por volta de 0,5 kg por ano de gordura.

A tendência à diminuição da atividade física com o passar dos anos é outro fator importante que leva ao ganho de peso. A atividade física aeróbica leva a um gasto calórico importante durante sua execução, ou seja, ajuda a “queimar” calorias, porém, a atividade muscular de resistência (musculação) pode sim levar a um aumento do metabolismo de repouso (basal) porque aumenta o número e tamanho das fibras musculares que são verdadeiras “torradeiras” de calorias.

 

UR - Dicas para aumentar o metabolismo?

 

FP - 1. Aumentar sua massa muscular:

Exercícios de musculação ajudam a construir massa magra(muscular) que é a principal responsável por aumentar sua queima calórica mesmo em repouso.Comece devagar e procure orientação de um professor para não se machucar; duas vezes por semana é suficiente para que logo você comece a notar mudanças no seu corpo e no seu humor.

2. Coma mais proteínas:

As proteínas da dieta aumentam a sensação de saciedade, além de não causar oscilações bruscas nos níveis de insulina como os carboidratos refinados. A sugestão e ingerir por volta 1g de proteína por quilo de peso e dar preferência ás proteínas magras como carne vermelha magra, peixes, aves, grãos e laticínios desnatados.

3. Não pule refeições e não reduza drasticamente as calorias:

Nosso organismo é inteligente e em qualquer dessas duas situações interpreta como uma agressão e portanto diminui a queima calórica.O resultado disso é que, quando comer,mais calorias serão aproveitados e estocados. Uma boa estratégia é diminuir não mais que 500 calorias por dia e nunca comer menos que 1200 calorias por dia.

4. Faça exercícios aeróbicos:

Melhoram o condicionamento cardio – pulmonar e ajudam a queimar calorias durante sua prática.Como não estimulam o metabolismo de repouso, é importante associar musculação.

5. Movimente-se no seu dia-a-dia:

Pequenas mudanças comportamentais como parar o carro mais longe,subir escadas, passear com o cachorro ou fazer jardinagem podem aumentar sua queima calórica em umas 100 calorias por dia o que ajuda a emagrecer por volta de 0,5kg em um mês.

6. Durma Bem:

Apesar de parecer estranho,dormir pode ajudar a torná-lo mais gordo, não só porque estimula a beliscar a noite, mas também pode influenciar na liberação de hormônios que tornam seu metabolismo mais lento,como por exemplo o Cortisol.

Para finalizar, é importante ressaltar que atualmente é possível mensurar indiretamente o metabolismo de cada através de um equipamento conhecido como calorímetro.

O exame dura apenas 20 a 30 minutos e o resultado pode ser conferido na hora. Ajuda muito na elaboração e prescrição de dietas de forma individualizada e de acordo com quanto cada pessoa “queima”.

 

Filippo2

 

UR - Agora sobre a temida Diabetes. Dados recém-publicados pela Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia mostram que o número de pessoas com do diagnóstico de diabetes cresceu 60% nos últimas 10 anos no Brasil. Entre os fatores envolvidos com o aumento estão: obesidade, alimentação errada e sedentarismo. O que o senhor tem a dizer sobre isso? Qual desses fatores é mais comum?

 

FP - Além dos fatores genéticos, a obesidade é um dos fatores de risco para o diabetes tipo 2. E a alimentação inadequada e o sedentarismo, que são comportamentos cada vez mais comum no estilo de vida contemporâneo, são fatores que colaboram muito para o ganho de peso.

Infelizmente o problema da obesidade também está presente entre as crianças, o que tem causado muitos casos da diabete tipo 2, mais comum nos adultos, aparecendo cada vez mais cedo.

 

UR – Doutor, comer muito doce causa diabetes ou há restrição de outros alimentos? 

 

FP - Não são apenas os doces, que são responsáveis por aumentar as taxas de glicose no sangue, o índice glicêmico, também pode se elevar com alimentos como cenoura, bolacha de água e sal e uva passa, que a princípio são inofensivos.  

 

UR - Quais são os sintomas e tipos de Diabetes - ela tem causa genética e/ou emocional?

 

FP - Diabetes tipo 1: Em algumas pessoas, o sistema imunológico ataca equivocadamente as células beta. Logo, pouca ou nenhuma insulina é liberada para o corpo. Como resultado, a glicose fica no sangue, em vez de ser usada como energia. Esse é o processo que caracteriza o Tipo 1 de diabetes, que concentra entre 5 e 10% do total de pessoas com a doença.

O Tipo 1 aparece geralmente na infância ou adolescência, mas pode ser diagnosticado em adultos também. Essa variedade é sempre tratada com insulina, medicamentos, planejamento alimentar e atividades físicas, para ajudar a controlar o nível de glicose no sangue. 

Sintomas: A necessidade de urinar várias vezes diariamente, sede e fome constantes, emagrecimento, inclusive em casos onde a pessoa come bem mas emagrece, o estômago também é uma parte afetada no caso de diabetes: náuseas e vômitos, sem nenhuma explicação aparente, podem ser indicativos de que há um problema com as taxas de açúcar. Os sintomas característicos da diabetes tipo 1 aparecem de forma bastante rápida. Além disso, deve-se ficar atento à cetoacidose diabética, uma complicação da diabetes tipo 1 que, em alguns casos, pode ser um primeiro sintoma. Na cetoacidose as células não recebem energia, por causa da falta de insulina, e começam a queimar gordura e os sintomas são hálito frutado, cetonas na urina, dificuldade respiratória, náuseas, vômitos, dor abdominal, e confusão mental.

Diabetes tipo 2: O tipo 2 aparece quando o organismo não consegue usar adequadamente a insulina que produz; ou não produz insulina suficiente para controla a taxa de glicemia.

Cerca de 90% das pessoas com diabetes têm o Tipo 2. Ele se manifesta mais frequentemente em adultos, mas crianças também podem apresentar. Dependendo da gravidade, ele pode ser controlado com atividade física e planejamento alimentar. Em outros casos, exige o uso de insulina e/ou outros medicamentos para controlar a glicose. 

Sintomas: Infecções constantes, como de pele, de rins e de bexiga. É comum ocorrer algumas doenças como candidíase, tanto no homem quanto na mulher, que é um tipo de infecção provocada pelo fungo Candida albicans que costuma ocorrer geralmente na língua, boca, vagina ou no pênis. Outra condição que pode ocorrer é a acantose nigricans, uma doença de pele relativamente rara que deixa a pele espessa e rugosa e costuma atingir o pescoço, as axilas e virilhas. Furúnculos e de feridas com cicatrização é demorada, vista embaçada, formigamento nos pés e pernas, além de alguns sintomas similiares à diabetes tipo 1 como a necessidade de urinar várias vezes, fome e sede constante, e tontura em caso de hiperglicemia.

Diabetes gestacional: Durante a gravidez, para permitir o desenvolvimento do bebê, a mulher passa por mudan-ças em seu equilíbrio hormonal. A placenta, por exemplo, é uma fonte importante de hormônios que reduzem a ação da insulina, responsável pela captação e utilização da glicose pelo corpo. O pâncreas, consequentemente, aumenta a produção de insulina para compensar este quadro.

Em algumas mulheres, entretanto, este processo não ocorre e elas desenvolvem um quadro de diabetes gestacional, caracterizado pelo aumento do nível de glicose no sangue. Quando o bebê é exposto a grandes quantidades de glicose ainda no ambiente intrauterino, há maior risco de crescimento excessivo (macrossomia fetal) e, consequentemente, partos traumáticos, hipoglicemia neonatal e até de obesidade e diabetes na vida adulta.

Sintomas: sede excessiva (boca seca), visão embaçada (turva), infecções, vontade de urinar frequente e aumento do peso corporal.

Filippo4

 UR -  Como saber se o produto diet é liberado para os diabéticos? E os ligths, são realmente confiáveis?

 

FP - Os termos diet e light foram criados para facilitar e ajudar na identificação de diferentes tipos de alimentos. Quando se tem o diagnóstico de Diabetes, a primeira ideia é que devemos usar a partir de então somente produtos dietéticos. Mas para isso é importante analisar se todos são mesmo indicados, até porque nem todos os alimentos diet são sem açúcar.

Os alimentos diet se destinam a grupos populacionais com necessidades específicas e significa que o produto é isento de um determinado nutriente. Na maioria dos produtos, os diet são sem açúcar, mas é importante comprovar se o nutriente retirado foi mesmo o açúcar, e não gordura, sódio ou outro componente. É importante que fique claro também que nem todos os alimentos diet apresentam diminuição significativa na quantidade de calorias e, portanto, podem não ser adequados para pessoas que querem emagrecer.

Já o produto light é direcionado a pessoas que buscam uma alimentação mais saudável e apresenta redução mínima de 25% em determinado nutriente ou calorias quando comparado ao produto convencional. A redução de calorias pode vir da diminuição no teor de qualquer nutriente (carboidrato, gordura, proteína), mas não quer dizer que seja sem açúcar.

Para identificar se o alimento diet é mesmo sem açúcar, observe no rótulo principal se está escrito sem adição de açúcar ou zero açúcar. Caso não encontre essa informação de forma fácil na frente do rótulo, procure nos ingredientes. O açúcar pode ter vários nomes como sacarose, glicose ou dextrose, açucar invertido, açúcar demerara, açúcar mascavo. E se ver a palavra edulcorante na lista de ingredientes, quer dizer que esse produto foi adicionado adoçante. Edulcorante é o nome da substância adoçante. Exemplo: edulcorante aspartame, sucralose, acessulfame K.

 

UR - Estresse pode subir a glicose no diabético? E a ansiedade?

 

FP - O stress pode fazer com que você tenha uma elevação de seus níveis de glicose no sangue. Isso ocorre porque em mmomentos de stress nosso corpo aumenta os níveis de hormônios, entre eles o Cortisol, que tem ação Hiperglicemiante, ou seja, tem o poder de aumentar os níveis de glicose no sangue. Essa onda de glicose não é problema se a resposta à insulina do seu corpo está funcionando corretamente. Mas para as pessoas com diabetes, temos um aumento da glicose no sangue, porque seu organismo não tem capacidade de transportar a glicose de forma tão eficiente para dentro das células, levando a um acúmulo de açúcar no sangue.

 

UR - Projetos novos?

FP - Estamos iniciando na clínica juntamente com uma equipe de diversos profissionais da saúde o protocolo Medicina de Estilo de Vida que une as tecnologias da saúde com o que há de mais atual nas descobertas científicas médicas. Uma verdadeira intervenção durante oito semanas, que conta com uma série de novas experiências em saúde que proporcionam uma transformação na vida do paciente conectando de forma dinâmica a medicina com os quatro pilares de uma vida saudável que comentamos anteriormente, a atividade física, o emocional, o espiritual e o hábito alimentar. Trata-se de um processo dinâmico, consciente e individual que busca por uma vida saudável e feliz e que reforça as conexões entre corpo, mente e espírito por meio da união da medicina moderna com técnicas da medicina complementar validadas.

O embrião para o desenvolvimento da Medicina de Estilo de vida está nos estudos científicos que comprovaram a eficiência da medicina complementar na prevenção e no tratamento de doenças. Esta filosofia é estudada e praticada no Body-Mind Institute da Harvard Medical School, instituição na qual Dr. Filippo Pedrinola foi certificado. Dessa união da medicina tradicional com a medicina complementar nasceu o que os profissionais da saúde chamam de medicina integrativa, uma filosofia de trabalho em pleno crescimento nos principais centros médicos de excelência pelo mundo.

Imagens: Divulgação Dr. Filippo / Carlos Ciancibotao voltar

Rosângela Cianci

Rosângela Cianci. Jornalista, blogueira, repórter, apresentadora, produtora de TV e idealizadora do site Universo de Rose. Incansável observadora do cotidiano, apaixonada pelo que faz. Ex-Secretária Executiva, sempre lidou com Diretoria e Presidência mas prestes a completar Bodas de Prata na área, resolveu desengavetar um sonho antigo: o Jornalismo. E partiu pra nova luta com 40 (e uns anos), "pois meu negócio é escrever e conversar sobre assuntos de A a Z"...

E-mail O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.