Menu

« »

Content

Bacalhau a La Plancha, by Chef Paulo Machado

Bacalhau na Páscoa - Qual a relação? Na Idade Média os cristãos deveriam obedecer os dias de jejum, excluindo de sua dieta as carnes “quentes”. O bacalhau, como comida “fria”, tinha seu consumo incentivado pelos comerciantes nos dias de jejum. Com isso, passou a ter forte identificação com a religiosidade e a cultura do povo português. O rigoroso calendário de jejum foi aos poucos sendo desfeito, mas a tradição do bacalhau se mantem forte nos países de língua portuguesa até os dias de hoje, principalmente na Páscoa, uma data expressiva da cristandade, quando se celebra a Ressurreição de Cristo, a renovação da vida.

Enquanto para muitas pessoas a Páscoa é sinônimo de chocolate, de caça “aos ovos” com a família, para outros é uma das mais importantes datas festivas do calendário religioso cristão. E é por isso que o bacalhau é uma das iguarias mais consumidas para comemorar a data. 

E, para não sair da tradição, mas inovar no cardápio, a Ceraflame – em parceria com o Chef Paulo Machado, criou uma receita deliciosa de “Bacalá a La Plancha”, para tornar o almoço do próximo domingo, 05.04, Páscoa, ainda mais especial. A receita é para 3 pessoas. Vamos lá?

bacala2 

Ingredientes:
- 3 postas de bacalhau
- 1 cebola
1-  vidro de azeitona preta
- 300 g de batatas assadas
- 1 dente de alho picado
- 100 ml. De azeite
- Pimenta do reino preta a gosto

Modo de fazer:
Numa caçarola buffet da Ceraflame - de preferência, com azeite de oliva, frite o alho picado e reserve. Frite o bacalhau no azeite, deixando-o bem corado e em seguida acrescente a cebola, azeitonas pretas, batatas assadas. Tempere com pimenta do reino moída e acerte sal caso necessário. Sirva com arroz branco e brócolis. 

botao voltar

Rosângela Cianci

Rosângela Cianci. Jornalista, blogueira, repórter, apresentadora, produtora de TV e idealizadora do site Universo de Rose. Incansável observadora do cotidiano, apaixonada pelo que faz. Ex-Secretária Executiva, sempre lidou com Diretoria e Presidência mas prestes a completar Bodas de Prata na área, resolveu desengavetar um sonho antigo: o Jornalismo. E partiu pra nova luta com 40 (e uns anos), "pois meu negócio é escrever e conversar sobre assuntos de A a Z"...

E-mail O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.